terça-feira, outubro 13

Desabafo



A vida é realmente irônica com a gente, em certos momentos da vida.
Ora, te agrada, ora desaba em cima de você.
Porque será que, nessa vida, por mais que você se esforce pra ajudar alguém, fazer o bem, sempre vem um e te ferra?
É engraçado ás vezes. Só eu sei o quanto já fui idiota me oferecendo pra ajudar alguém, achando que eu estava sendo super legal com tal pessoa,fazendo o meu melhor, dando o melhor de mim; e logo depois disso a pessoa recusa a sua ajuda, faz pouco caso e ainda por cima fica com aquele ar de :"Ela só tá querendo me ajudar pra insinuar que eu não sei fazer sozinha, não preciso dela mesmo!".
Foda! E vc? fica como depois disso? Fico chateada achando que a pessoa poderia ter agradecido e ficado feliz com a a minha boa vontade de ajudá-la, enquanto ela fica pensando que você não fez mais que a sua obrigação.
E aí? Eu poderia nem ter oferecido ajuda, ficado na minha, ganhava mais. Mas não. Como somos idiotas, fazemos o bem sem olhar a quem e o outro só está esperando o melhor momento pra te ferrar e sair bem ás suas custas.
E o pior.. quando ele não tem a quem recorrer mais, ele volta com a maior cara de pau, você ajuda, faz de tudo por ele.. e depois? ele reconhece? não! acha que ele que fez um grande favor de ser ajudado por você.

Quantas vezes passei por isso, sofri muito já com isso. Sou uma besta mesmo. Na maioria das vezes, ainda saio como a metida, oferecida, a inteligente da turma que quer exibir que sabe mais.

Quantas "amizades" perdi por ficar longe uma semana ou mais, porque eu não liguei pra saber oq ela tinha comido ontem. Amizade é isso? Não resiste a uma 'semaninha' de distância?
Quantas vezes fui esquecida por pessoas que eu axava que eram essenciais, que eu axava que não viveria sem. Pessoas que na primeira oportunidade que tiveram, meteram o pé no meu traseiro, se assim soar melhor.
Eu sempre estive lá pra ajudá-los, estendendo a mão quando precisavam, e o que eu colhi? Uma facada nas costas! Se é que pode se dizer que isso é colhido, não é mesmo?!
E tem mais, por eu sempre querer ser boazinha, ter medo de que os outros fiquem chateados comigo ou algo do tipo, se eles precisarem de ajuda algum dia, por incrivel que pareça, eu vou ajudá-lo novamente! Posso até não ajudar com a mesma vontade de antes, mas não vou deixá-lo na mão! Já faz parte de mim, é do meu caráter.
Somos assim, nos guiamos pelos mesmo sentimentos tolos que nos tornam humanos, simples bonecos nas mão de um sádico chamado destino.
Ele nos leva através de tristes caminhos que apenas nos trazem dor e decepção, e quando nossa auto-estima já não tem forças pra se levantar novamente, ele nos joga de lado e simplesmente assiste ao nosso triste fim.
Largados até mesmo pelo destino. Sim, esse é o destino dos bonzinhos, as vezes se ganha, as vezes se perde, mas nessa balança parece que as coisas ruins sempre pendem mais para o nosso lado, nos forçando a pensar duas vezes antes de ajudar alguém, mas inegavelmente estaremos sempre lá por aqueles que realmente consideramos, por mais filhos da puta que sejam.

- Perdão da palavra. Mas é que ás vezes não dá pra segurar mesmo, talvez um bom palavrão seja a melhor forma de desabafar.


7 comentários:

Cintia Guimarães Veiga disse...

ah Malu relaxa...vivemos rodeadas de pessoas assim, o que precisamos é saber ser egoista as vezes e nao nos render a meras sorrisos falsos que depois nos maldizem pra outras pessoas.
Seu carater é muito belo, mas nem por isso fique lamentando por uma amizade que nao deu certo.
ainda tem bastante pessoas dispostas a serem amigos de verdade.

bjs

Jake disse...

pelo visto todos pertencemos ao mesmo mundo mesmo.
Se cuida e força ai mocinha
beijooo =*

Quell disse...

É osso mesmo não??
As vezes dá vontade de dar um belo não na cara de alguns, mais é complicado ter coração de manteiga, a razão sempre perde pra emoção!
Gostei, obrigada pela visita
Beijos

Aline V. disse...

é complicado quando a gente se esforça tanto por algumas pessoas e simplesmente elas não estão nem aí e nós é que passamos por chatas... Mas sabe, acho que independente do que possamos vir a receber em troca, o importante mesmo é que fizemos nossa parte. Dormimos com a cabeça tranquila no travesseiro...Tem coisa melhor que isso? =)

adorei o blog...tb te linkei tá?

bjooo

Daay D. disse...

Obrigada por me linkar! :) Adorei o blog, muito, muito lindo!
Desabafar sempre é bom ;)

Bárbara Fróis disse...

Nossa adoreiii seu mundo! Pode ter certeza que vou passar mais vezes por aqui. Hehehehehe
Eu so não vou add você la no meu porque to na faculdade e nao dá. Mas assim que der eu vou add, e pode ter certeza que sempre vou estar por aqui!
Bejos e visite o meu blog!

Vivian Sbrussi disse...

Olá!

vim conhecer o seu blog!
te desejo uma ótima semaninha!

=D

★.°☆∵。*★.°☆∵。*★.°∵★.°☆∵。*★.°☆∵。*∵★
★.°☆∵。*★.°☆∵。*★.°∵★.°☆∵。*★.°☆∵。*∵★

EXPERIMENTE, ACREDITE, SONHE E OUSE!!

Arriscar-se é viver...

Rir é arriscar-se a parecer louco.
Chorar é arriscar-se a parecer sentimental.
Estender a mão para o outro é arriscar-se a se envolver.
Expor seus sentimentos é arriscar-se a expor seu eu verdadeiro.
Amar é arriscar-se a não ser amado.
Expor suas idéias e sonhos ao público é arriscar-se a perder.
Viver é arriscar-se a morrer...
Ter esperança é arriscar-se a sofrer decepção.
Tentar é arriscar-se a falhar.

Mas... é preciso correr riscos.
Porque o maior azar da vida é não arriscar nada...

Pessoas que não arriscam, que nada fazem, nada são.
Podem estar evitando o sofrimento e a tristeza.
Mas assim não podem aprender, sentir, crescer, mudar, amar, viver...
Acorrentadas às suas atitudes, são escravas;
Abrem mão de sua liberdade.
Só a pessoa que se arrisca é livre...

"Arriscar-se é perder o pé por algum tempo.
Não se arriscar é perder a vida..."

(autor desconhecido)

     ,¡i¹i¡,
     ¹i¡,¡i¹ Beijos

♥¸.•*¨) Tenha uma ótima semaninha....     ♥¸.•*¨)
   (¸.• ♥♥  ♥♥♥ღViViAn\\(^_^)// Sbrussi ♥♥♥  (¸.•´♥♥

Related Posts with Thumbnails